Skip to main content

Principais cuidados no primeiro trimestre de gravidez

O primeiro trimestre de gravidez é um momento bastante intenso e repleto de descobertas para os futuros pais, então ele acaba levantando diversas dúvidas que poderão ser esclarecidas através das informações desse post.

Essa etapa corresponde aos três primeiros meses da gestação, nos quais o desenvolvimento do bebê é bastante acelerado, por este motivo é considerada a fase mais delicada de toda a gravidez.

Aqui você poderá conferir alguns dos principais cuidados que devem ser tomados nesse período específico e saber quais são os exames de rotina que devem ser realizados para garantir a saúde do bebê e da mãe, então continue a sua leitura.

Anúncios



Sintomas comuns no primeiro trimestre de gravidez

Conforme já mencionado, no primeiro trimestre de gravidez há o desenvolvimento acelerado do feto, ou seja, seus órgãos principais estão em formação. Sendo assim, o corpo da gestante acaba passando por adaptações para manter a gestação.

Também é neste período onde há diversas alterações hormonais na mulher, que são necessárias durante a gestação. Junto a todas estas mudanças acabam surgindo alguns sintomas que são bastante comuns e incluem:

  • Sensibilidade nos seios;
  • Cólicas.
  • Retenção de líquido e consequente inchaço;
  • Alterações de humor;
  • Náuseas e vômitos, principalmente durante o dia;
  • Sonolência e cansaço;
  • Dor no corpo ou nas costas;
  • Aumento da frequência urinária.

É importante mencionar que o aparecimento dos sintomas podem ocorrer de forma gradual e cada pessoa pode apresentar coisas diferentes. Por este motivo é importante fazer o acompanhamento médico para saber se tudo está dentro da normalidade.

Outros sinais que podem ser resultado da gravidez

Embora não sejam muito comuns, há alguns sintomas que podem aparecer no primeiro trimestre de gravidez, mas é importante mencionar que na presença destes é importante passar por uma avaliação médica:

  • Prisão de ventre: este sintoma pode aparecer devido aos mais diversos fatores, então é importante manter uma constante ingestão de fibras e líquidos para evitar a prisão de ventre na gravidez;
  • Alteração na visão: pode aparecer em mulheres que já usavam lentes corretivas antes da gravidez, sendo que elas podem sentir mudanças no grau devido a alterações hormonais ou inchaço;
  • Roncos: pode ocorrer pelo inchaço das mucosas, então o ronco pode aparecer em decorrência da gravidez, mas como outros fatores como doenças alérgicas e distúrbio do sono também podem causá-lo, é importante passar por avaliação.

O que deve ser evitado no primeiro trimestre

Alguns cuidados bastante simples podem ser tomados no primeiro trimestre de gravidez a fim de evitar qualquer tipo de risco para a mãe e para o bebê. Veja abaixo algumas coisas que devem ser evitadas nessa fase:

  • Evitar a ingestão de alimentos crus, como ovos, peixe e carne;
  • Atividades físicas devem ser realizadas mediante a orientação de um profissional;
  • O consumo excessivo de cafeína e chás deve ser evitado;
  • Não consumir qualquer tipo de bebida alcoólicas ou cigarro;
  • Não fazer o uso de medicamentos sem que haja prescrição médica.

Como você pode conferir, são coisas bastante simples, mas que devem ser seguidas a todo custo a fim de evitar qualquer tipo de prejuízo ao desenvolvimento do bebê, que estará bastante acelerado nessa fase.

Cuidados durante a gestação

Como o primeiro trimestre de gravidez é um momento bastante crítico para o corpo da mulher, é comum que ele precise de um maior aporte de vitaminas ou nutrientes, pois déficits nutricionais não são bons para a mãe e para o bebê.

Com isso, é amplamente indicado que os exames pré-natais sejam realizados nos períodos corretos e que a mãe busque um acompanhamento nutricional adequado a fim de manter uma dieta adequada. Alguns nutrientes fundamentais na gravidez incluem:

  • Vitaminas do complexo B: está presente em cereais integrais, carne bovina, peixe, banana, ovos, leite e derivados;
  • Ácido Fólico: está presente no pão de centeio, lentilha, escarola, grão-de-bico, abacate, repolho branco, fígado bovino, brócolis, laranja, feijão-branco e espinafre;
  • Cálcio: está presente em vegetais verde-escuros, grãos e carnes diversas;
  • Iodo: encontrado no sal iodado, peixes de água salgada e frutos do mar;
  • Ferro e zinco: podem ser encontrados em carnes, fígado e leite;
  • Fibras: presentes em legumes, verduras, frutas e cereais integrais.

Exames a serem realizados no primeiro trimestre de gravidez

Caso a mulher ainda não tenha certeza da gravidez mas tenha essa suspeita, a primeira recomendação será a realização do exame de Beta HCG, que envolve a análise sanguínea. Caso os valores estejam aumentados, o diagnóstico será positivo.

Após a confirmação da gravidez, os profissionais da área da saúde poderão indicar outros exames para avaliação da saúde da futura mãe. No primeiro trimestre de gravidez, o ultrassom pode ser feito já na oitava semana de gestação.

Exames mais comuns como de urina e ginecológicos também fazem parte da lista de exames. Já o exame de NIPT é voltado para grávidas que se encontram em situações mais específicas, através do qual é possível identificar alterações cromossômicas.

Relacionados

Veja também esse artigo

Continue lendo

Você Permanecerá no mesmo site

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.