Skip to main content

Plano de Parto: Veja a Importância e Saiba Como Fazer o Planejamento

O Plano de Parto trata-se de um documento de validade legal, sendo reconhecido e recomendado pelo Ministério da Saúde. Nele deve constar os cuidados que a mulher deseja receber para seu filho e para si no parto e no pós-parto.

Em muitas situações, há a indicação de que o companheiro também faça parte da elaboração deste documento, já que em várias situações ele poderá ser o porta-voz da mulher no decorrer do parto.

Muitos casais optam por contar com o apoio de uma Doula, que poderá auxiliar no momento de fazer esse tipo de planejamento. Se você ainda tem dúvidas de como fazer o seu, nosso post poderá te ajudar.

Anúncios



Primeiras dicas sobre o Plano de Parto

Antes de começar a elaborar o seu planejamento de parto, indicamos que converse com enfermeiros ou médicos para conseguir mais informações sobre o momento do parto, já que assim a sua tomada de decisões será facilitada.

Outra opção é conversar com a equipe que fará o atendimento, além de conhecer o local, seja uma casa de parto, maternidade ou hospital. Dessa forma será possível prever algumas situações e destacar alguns desejos seus sobre este momento tão esperado.

Plano-de-parto
Plano-de-parto

Ademais, é importante salientar que não há uma receita pronta para a elaboração deste documento, onde muitas buscam um Plano de Parto para imprimir e será possível selecionar as suas preferências com mais praticidade apenas.

Sobre os documentos prontos

Como os moldes de Plano de Parto prontos são muito mais fáceis de serem utilizados, esta é uma das alternativas mais buscadas por gestantes de todas as regiões, bastando fazer uma busca na internet para encontrar diversas opções.

Estes são bem elaborados e muitas vezes disponibilizados gratuitamente em portais médicos bastante confiáveis. Já em relação ao formato do arquivo, este geralmente é encontrado nas duas formas:

  • Plano de Parto Word;
  • Plano de Parto PDF.

Basta então que você escolha o melhor de acordo com o seu dispositivo móvel e faça o download. Em seguida, abra o documento e selecione as opções de seu interesse durante o parto. Por fim, é só salvar e imprimir.

Criando o próprio Plano de parto

Se você prefere criar o seu Plano de Parto, saiba que o documento será válido, seja ele redigido através de computador ou escrito à mão. Aqui uma dica importante é separar o momento do parto em várias etapas, anotando seus desejos, como por exemplo:

No trabalho de parto

  • “Desejo usar as minhas roupas e não as do hospital”;
  • “Não autorizo a administração de ocitocina como método de indução do parto”;
  • “Quero receber massagens”;
  • “Quero acesso a chuveiro ou banheira”;
  • “Quero poder me movimentar livremente”;
  • “Desejo ter um acompanhante ao meu lado”.

No momento do parto

  • “Prefiro um ambiente com luzes mais baixas”;
  • “Desejo que o parto seja feito na água”;
  • “Não/quero receber analgesia para alívio da dor”;
  • “Prefiro que o ar condicionado não fique ligado”;
  • “Não autorizo a episiotomia”.

No pós-parto

  • “Desejo que o bebê seja trazido até mim”;
  • “Desejo acompanhar o corte do cordão umbilical”;
  • “Quero ser informada sobre todos os procedimentos que serão realizados com o bebê”;
  • “Desejo que o bebê mame na primeira hora”.

Até o momento da alta

  • “Desejo que seja eu e meu companheiro a dar o primeiro banho no bebê”;
  • “Quero realizar a amamentação de livre demanda para a criança”;
  • “Não desejo que seja ofertada fórmula láctea ou bicos para o bebê”;
  • “Prefiro que o bebê fique em alojamento conjunto”.

Vale destacar que estas são apenas algumas opções e você terá total liberdade de escolher itens adicionais para o seu plano de parto, de modo que este momento siga os seus desejos e supere as suas expectativas.

Forma de garantir que o Plano de Parto será seguido

Se você tem algum tipo de insegurança sobre o seu Plano de Parto não ser seguido pela equipe responsável pelos procedimentos, há uma recomendação de que solicite que um dos membros assine uma cópia do documento.

Todos os hospitais do Brasil são obrigados a acatar e seguir tudo o que se encontra exposto no planejamento de parto das gestantes, mas alguns locais podem receber este documento com estranheza e acabam apenas anexando-o ao prontuário.

Por este motivo, solicitar a assinatura de um membro da equipe responsável pelo parto se torna tão importante. Assim será possível ir atrás dos seus direitos caso algo indesejável aconteça no pré-parto, durante o parto ou no pós-parto.

Considerações finais

O Plano de Parto é um documento válido em todo o território nacional e acaba sendo algo muito importante para as gestantes que preferem fazer um planejamento mais específico deste momento tão importante para as suas vidas.

Embora ele seja amplamente recomendado, às gestantes que não fizeram o seu plano devem ter os seus desejos respeitados da mesma forma, mas a diferença é que o documento pode assegurar as escolhas com maior clareza.

Gostou do nosso artigo? Veja também quais são os cuidados necessários no primeiro trimestre de gravidez.

Relacionados

Veja também esse artigo

Continue lendo

Você Permanecerá no mesmo site

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Utilizamos cookies para melhorar a experiência de navegação. Ao continuar, você concorda.