Skip to main content

Grávida Pode Pintar o Cabelo? Saiba Tudo Sobre o Assunto

Grávida pode pintar o cabelo? Eis uma pergunta muito comum entre mulheres gestantes que desejam ficar em dia com a beleza pessoal, havendo muitos mitos e verdades que se relacionam a este assunto hoje em dia.

Toda mulher gosta de se sentir bonita, onde os cabelos possuem um papel fundamental na autoestima feminina. Neste sentido, é importante adaptar o ato de tingir o cabelo ao momento da gravidez para que não haja problemas.

A seguir você vai poder ter acesso a diversas informações importantes para te ajudar nessa fase e separamos tópicos específicos que abordam tudo sobre a coloração dos cabelos durante a gestação.

Anúncios



É seguro pintar o cabelo durante a gestação?

Hoje é possível afirmar que sim, grávida pode pintar o cabelo durante a gestação, já que estudos recentes mostram que, embora várias tinturas usem químicas específicas, elas não se encontram presentes em grande quantidade.

grávida-pode-pintar-o-cabelo
grávida-pode-pintar-o-cabelo

Com isso, estes compostos acabam não sendo absorvidos em concentrações suficientes para chegar até o bebê e provocar malformações, mas é sempre importante consultar um obstetra antes de realizar a coloração.

No momento, a maior indicação é que as gestantes optem por tintas que são à base de água ou que não possuem amônia em sua composição, já que estas se mostram menos agressivas e mais suaves no momento da aplicação.

Com quantos meses grávida pode pintar o cabelo?

Agora que você já sabe que grávida pode pintar o cabelo, é importante que a gente comente qual é o momento mais seguro para que a mulher aplique tintas no cabelo, reduzindo ainda mais o risco de prejuízos.

Hoje está estabelecido que é mais seguro pintar os cabelos após os 3 meses iniciais de gestação, o que corresponde às semanas 1 a 13 de gravidez. Isso porque esta é considerada a fase mais delicada da gestação devido ao rápido desenvolvimento do embrião.

Com isso, o uso de qualquer tipo de química mais forte deverá ser evitada, mesmo que em contato somente com a pele. Embora as grávidas sintam necessidade de colorir o cabelo após o fim do primeiro mês, o ideal é aguardar mais um pouco.

Existe uma melhor cor para pintar o cabelo na gravidez?

Grávida pode pintar o cabelo mas é importante ter algumas ressalvas, como evitar o procedimento no primeiro trimestre de gravidez, conforme já mencionado, e também escolhendo uma coloração mais suave.

Isso porque as tinturas que possuem cores mais vivas geralmente tem uma quantidade maior de química, que terá como função fazer com que a coloração se fixe no cabelo por um tempo mais longo.

Uma boa opção que substitui as tintas mais vivas com químicas, é usar tinturas com composição natural, como por exemplo, a tintura 100% vegetal ou tinta de Hena, que não levam nenhum tipo de substâncias químicas que possam ser nocivas.

Dicas para pintar o cabelo na gestação

Como a gestação é um momento mais delicado devido às constantes mudanças fisiológicas que acontecem no corpo da mãe, é preciso tomar alguns cuidados ao colorir os cabelos. Grávida pode pintar o cabelo considerando as dicas abaixo:

  • Sempre escolha um local bem ventilado para realizar a pintura do cabelo;
  • Siga fielmente todas as instruções da embalagem que foram fornecidas pelos fabricantes;
  • Sempre use luvas para aplicar a tinta;
  • Ao aplicar a tinta no cabelo, aguarde o tempo mínimo indicado, não deixando-a agir mais que o período recomendado;
  • Lave muito bem o couro cabeludo após pintar o cabelo.

Caso você ainda tenha dúvidas e preocupações sobre mulher grávida pode pintar o cabelo, não deixe de procurar seu obstetra, pois ele é o profissional mais adequado para esclarecer todos os seus questionamentos.

Grávida pode retocar luzes?

Aqui já destacamos que grávida pode pintar o cabelo, mas existem outros procedimentos estéticos que também merecem ser comentados devido a sua grande popularidade entre o público feminino.

As gestantes também podem retocar luzes durante a gestação, mas o procedimento deve ser feio a, no mínimo, 1 centímetro de distância da pele e raiz do cabelo, e sempre após o primeiro trimestre de gravidez.

Pode-se optar ainda por usar produtos hipoalergênicos ou aqueles que foram indicados especialmente por seu médico, já que a quantidade de química aplicada certamente será menor e não vai gerar riscos para o feto.

E quanto a progressiva?

A progressiva é um procedimento muito popular entre as mulheres brasileiras que gostam de manter os cabelos lisos, mas como os produtos necessários para fazer o procedimento são muito fortes, a progressiva não deve ser feita na gravidez.

Uma das substâncias que geralmente se encontram presentes em uma progressiva é o formol, que possui um grande potencial alergênico, e caso a mulher apresente alergia, o tratamento vai ser bem mais complicado na gestação.

Com isso, podemos concluir que grávida pode pintar o cabelo e pode retocar luzes, havendo alguns cuidados e ressalvas, mas a progressiva deve sempre ser evitada durante todo o período da gestação.

Relacionados

Veja também esse artigo

Continue lendo

Você Permanecerá no mesmo site

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Utilizamos cookies para melhorar a experiência de navegação. Ao continuar, você concorda.