Skip to main content

Estresse Infantil: Como Identificar Nos Filhos?

O estresse infantil é um assunto que vem sendo muito pautado hoje em dia, de modo que é muito importante que os pais fiquem atentos aos sinais com o intuito de tomar as medidas cabíveis para preservar a saúde das crianças.

Assim como os adultos, as crianças podem vir a exibir sentimentos específicos em momentos de tensão, onde as pessoas ao redor podem vir a confundir a reação com um simples comportamento negativo ou birra.

De uma forma resumida, o estresse é uma reação do próprio organismo em resposta a situações extremas, e com base em nosso post você poderá saber mais detalhes sobre como o estresse pode afetar o público infantil.

Anúncios



Qual a causa do estresse infantil?

As causas do estresse infantil são diversas, de modo que é preciso analisar a vida da criança de uma forma geral para que seja possível determinar o real fator causador do problema. Algumas das opções mais comuns incluem:

estresse-infantil
estresse-infantil
  • Separação dos mais;
  • Excesso de responsabilidades;
  • Nascimento de um irmão;
  • Doenças e hospitalizações;
  • Mudança de casa, escola ou cidade;
  • Perdas de familiares;
  • Rejeição de colegas de escola;
  • Violência doméstica;
  • Brigas entre os pais;
  • Exigência excessiva de desempenho esportivo ou escolar.

Como as crianças possuem uma maior dificuldade de manifestar o que estão sentindo, a identificação deste problema pode ser difícil e acabar atrasando o diagnóstico, o que pode causar problemas psicológicos importantes.

Indícios de estresse infantil

O estresse infantil pode ser identificado com base em comportamentos que muitas vezes são tidos como inadequados, então é fundamental ter atenção sobre os pequenos. Alguns comportamentos que podemos destacar são:

  • Desobediência;
  • Ansiedade;
  • Choro excessivo;
  • Insônia;
  • Pesadelos constantes;
  • Doenças psicológicas.

Além destes comportamentos, a criança pode vir a manifestar outros sintomas psicológicos e físicos, de modo que será necessário intervir para reverter este quadro. Veja mais alguns indícios de estresse em criança:

Sintomas psicológicos

  • Agressividade;
  • Impaciência;
  • Insegurança;
  • Preocupação constante;
  • Dificuldade de se socializar;
  • Medo;
  • Hipersensibilidade.

Sintomas físicos

  • Diarreia e dor de barriga;
  • Dor de cabeça;
  • Mãos frias e suadas;
  • Náuseas;
  • Falta ou excesso de apetite;
  • Gagueira;
  • Enureses noturnas (urinar na cama);
  • Tiques nervosos;
  • Ranger de dentes;
  • Hiperatividade;
  • Tensão muscular.

Vale destacar aqui que diversos destes sintomas ocorrem em conjunto, então quando um destes sintomas surge de forma isolada, não será possível interpretar a situação como estresse infantil precisamente.

Consequências do estresse em crianças

Caso o estresse infantil seja identificado e não tratado, a criança pode vir a ter diversos outros problemas, que variam desde quadros de baixa imunidade, até o desenvolvimento de problemas psicológicos. Os problemas físicos mais comuns são:

  • Baixa imunidade e consequente vulnerabilidade a doenças contagiosas;
  • Maior propensão a desenvolver alergias;
  • Diabetes;
  • Asma e bronquites;
  • Problemas dermatológicos;
  • Obesidade.

Como você pode conferir, as consequências do estresse em crianças são muitas, de modo que é necessário diagnosticar o mais breve possível para que seja instituído um tratamento efetivo, podendo prevenir os quadros comentados.

Como evitar o problema

Antes de saber sobre estresse infantil como tratar, é fundamental que você entenda que a prevenção é o ponto de maior destaque quando se trata deste problema, sendo fundamental determinar um bom estilo de vida para a criança.

Desse modo, será possível fazer algumas mudanças na rotina dos pequenos com o objetivo de reduzir os fatores que tendem a desencadear o estresse, como por exemplo, destinar apenas tarefas compatíveis com o ritmo de aprendizagem.

Lembre-se também que os seus filhos precisam ter tempo para estudar, descansar e brincar, onde você deve sempre passar confiança e conversar para que eles tenham segurança em expor seus sentimentos sempre que necessário.

Tratamento do estresse infantil

Atualmente não existe um remédio para estresse infantil específico, de modo que os fatores estressantes devem ser identificados o mais breve possível para que seja possível alterar a rotina da criança, tornando-a mais amena.

Se você identificar os sintomas aqui comentados em seu filho e suspeite que o estresse seja o causador, buscar a orientação de um profissional que trabalhe com psicologia infantil pode ser interessante, já que eles podem ter boas dicas.

Além disso, é fundamental que as crianças se desenvolvam sentimentalmente para que não enfrentem dificuldades na vida adulta em situações diversas do dia a dia, o que pode torná-los mais propensos a desenvolver ansiedade ou outros problemas futuros.

Considerações finais

Com base neste post podemos concluir que as famílias precisam ter atenção ao comportamento de seus filhos, sempre buscando ouvir e também orientar de forma saudável para que as crianças não sofram com o estresse infantil.

Como a prevenção é a melhor forma de reduzir os impactos deste problema, também é fundamental manter um vínculo familiar forte com as crianças, de modo que elas se sintam seguras ao se expressar.

Gostou do nosso conteúdo? Veja também como funciona o linguagem de sinais para bebês.

Relacionados

Veja também esse artigo

Continue lendo

Você Permanecerá no mesmo site

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.